Aos olhos da Sociedade...

O medo leva á exclusão e a confiança á inclusão.

No geral, a população ainda não vê com bons olhos a capacidade de algumas pessoas, portadoras de deficiência.

Ser deficiente não é ser incapaz, mas sim alcançar os objetivos de maneira diferente.

Ainda existe habitações, espaços públicos, transportes, escolas que não são adaptados para portadores de deficiência motora.

Não falando da falta de respeito que alguns cidadãos têm de usar o lugar de estacionamento reservado para pessoas incapacitantes, sem uso de dístico.

A maioria das ruas não são adaptadas, pois o acesso adaptado para as passadeiras não existe.

As dificuldades de integrar pessoas com deficiência nas escolas e no mercado de trabalho são imensas, devido á falta de confiança nas capacidades dessas pessoas.

O quanto eu fico chateada quando olham para mim de alto a baixo como uma coitadinha.

Somos todos iguais, cada um com a sua caraterística especial, mas cidadãos com o mesmo direito de igualdade.

Ser portadora de deficiência motora é um enorme desafio no dia-a-dia, mas ensina-me a ser mais forte, mais confiante, mais corajosa, pois o desconhecido custa enfrentar, mas na hora da vitória, das conquistas, sinto-me orgulhosa e capaz de enfrentar um novo desconhecido.



45 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo